ARTE DAS LETRAS

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

POESIA - AI DE MIM




AI DE MIM

Ai de mim se não sonhasse!
Talvez não aguentasse o fardo do dia,
a falsidade que paira absoluta,
a nostalgia do não vivido
o cansaço do em vão vivido
e as tristezas acumuladas
de ver tantos desmandos e enganos.

Ai de mim se não sonhasse
com horizontes flutuantes
coloridos
musicados
e doces...

Doces são os sonhos recheados
de uma doçura qualquer
mas que me tornam uma ternura sem fim....

by Didi Leite



Nenhum comentário:

Postar um comentário