ARTE DAS LETRAS

quinta-feira, 16 de junho de 2016

POESIA - SONHAR ACORDADE


SONHAR ACORDADA

Sonho dormindo,
impossível evitar.
Às vezes sonho acordada,
pisco os olhos,
caio no real do dia.
Mas o sonho é viciante,
lá vem de novo
com miragens de deserto.
Lanço flores,
afago pássaros,
me desfaço em mil amores.
Encantamentos que o vento desperta
 na porta que bate,
na cortina da janela a voar...

by Didi Leite


Nenhum comentário:

Postar um comentário