ARTE DAS LETRAS

quarta-feira, 13 de abril de 2016

POESIA - SAUDADE PELO AR



SAUDADE PELO AR

Saudade baila no coração,
canta palavras pelo ar
toma os sentidos,
mas nunca é ninguém.

Saudade gosta entrar no dia de repente,
assim sem mostrar a face,
sem dizer um nome.
Acho que a saudade inventa
até o que nunca vivemos
só pra ficar presente
enchendo a vida da gente.

by Didi Leite

Nenhum comentário:

Postar um comentário