ARTE DAS LETRAS

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

POESIA - RECADOS DO MAR


RECADOS DO MAR

Espero no fim de tarde,
pelas ondas que vêm se quebrar aos meus pés
pra perguntar:
-sabes do meu amado?
Aonde está?
E o mar calado me manda ondas
que lentamente avançam,
afogam e apagam o nome que escrevi na areia.
Será isso sinal ou recado
pra esquecer de vez
quem encantou-se lá longe

por uma sereia?

by Didi Leite

Ilustração Imagem Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário