ARTE DAS LETRAS

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

POESIA - PEDAÇOS DA GENTE


PEDAÇOS  DA GENTE

Quando um amor se parte
ficamos, cada qual, como pedaços
de uma porcelana florida quebrada.
Pode-se até reatar,
restaurar,
colar pedaço a pedaço,
mas nunca mais o mesmo.
Por fora emenda impecável,
mas por dentro  marcas
das rachaduras coladas.

Nunca igual como antes.

by Didi Leite

Ilustração Imagem Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário