ARTE DAS LETRAS

domingo, 23 de agosto de 2015

POESIA - SUAVIDADES VINDAS PELO CÉU (fragmento da poesia)


SUAVIDADES VINDAS PELO CÉU (fragmento da poesia)

Voem, voem minhas queridas borboletas!
Não há nada que se compare
às suas delicadezas e suavidades
e tamanha beleza!
Penso mesmo que são criaturinhas
que como anjos descem do céu
e à Terra vêm nos alegrar!
Parecem plumas coloridas
livres pairando pelo ar. 

Borboletas, borboletas
que bom que vocês existem
para suavizar nossos olhos,
encantar nossa alma,
alegrar nossos dias,
nossas vidas
e  inspirar esta canção!

by Didi Leite

Ilustração Imagem Google








Nenhum comentário:

Postar um comentário