ARTE DAS LETRAS

terça-feira, 30 de junho de 2015

POESIA - CORAÇÃO ENLUARADO


CORAÇÃO ENLUARADO

Meu coração está
enluarado crescente,
companheiro das estrelas,
solitário sobre as copas das  árvores,
viajante solitário de noite fria,
silencioso como sono dos cansados,
prata como os cabelos dos anciãos,
e repleto de saudades.

É  saudade de tantas coisas!
Tanta gente que se foi um dia.
Saudade causa uma agonia!
Meu coração está enluarado crescente,
cheio de vontade
de ouvir uma triste melodia...

Saudade é assim
vai mexer no que está quieto latente,
ela nos assalta de repente.

by Didi Leite

Ilustração Imagem Google




Nenhum comentário:

Postar um comentário